Há 17 anos estudando e aprendendo Cuiabá, isso faz parte do currículo do colégio,

 

O projeto Cuiabanidade teve início em 1998 com o desejo de cultivar a cultura cuiabana, e incentivar os alunos a conhecerem a nossa riqueza, considerando a diversidade cultural do povo que aqui reside.

Os fatos históricos são trazidos e refletidos e também as histórias contadas e cantadas se constroem como acervo de conhecimento para nossos alunos.

A cada ano este projeto cresce e se embeleza na sua culminância.

Nosso slogan: “Cuiabá, [...] Tudo convida a ficar, nela permanecer.” Criado pela D. Maria de Arruda Müller, que foi homenageada neste projeto em 1999, objetiva promover laços afetivos com todos que residem aqui, para permanecerem fiéis a cultura e aos cuidados amorosos com a cidade. 

Conhecer a cultura e a identidade do local onde se vive é uma maneira de aprender a cuidar e a respeitar seu espaço.

O Colégio Master Júnior desenvolve este projeto com o intuito de formá-los para atuar e modificar o seu meio e também fazer uma aproximação da sua história, de suas raízes.

Muitos aspectos culturais, artísticos, sociais, físicos e econômicos são estudados, a cada ano um tema é desenvolvido e em 2015 escolhemos:

                   “RETALHOS DA CULTURA CUIABANA”  

Cada turma vai tecendo seus retalhos, estudando aspectos da cultura cuiabana: arte, música, dança, cerâmica, culinária, poesia, literatura e na culminância do projeto é mostrado o conjunto dos retalhos formando colchas, tapetes, papeis de parede, mantas compondo um espetáculo de aprendizagens para todos.

Nestes 18 anos de projeto muitos retalhos se fizeram nas homenagens que o colégio fez a ilustres cuiabanos que aqui fazem sua história entre eles: Maria de Arruda Müller, Pescuma, Henrique e Claudinho, Sr Caetano da Viola de cocho, Elizabeth Madureira, Nico e Lau, Edmilson Maciel, Dona Lourdes Maria Campos de Oliveira, Adir Sodré, Nilson Pimenta, Benedito Nunes, Ivens Cuiabano Scaff, João Eloi. Guapo, Marcelo Velasco, Moisés Martins, Vera e Zuleica, Lucinda Persona, Flávio Ferreira, Abel Santos Anjos, Wender Carlos, Vitória Bazaia, Neusa Batista, Nevio Lotufo, Rômulo Carvalho, André D’Lucca, Aurélio Augusto, Grupo Capura Ginga, Eugênio Carvalho, Juscimar Bakairi, Roberto Lucialdo, Veralenia Monteiro, Pio Toledo, Enelinda Scala, Moacir de Freitas, Liu Arruda, Amauri Tangará, Dona Domingas, e tantos outros cuiabanos que mantém viva a chama da cultura.

 

 

 

Redes Sociais